Djamila Ribeiro: Sou fruto de um trabalho histórico de mulheres negras Fernanda Carvalho

Ao falar de sua vida e militância, a filósofa e escritora defende a tradição de pensadoras negras e a pluralidade no feminismo negro

Uma pensadora brasileira Raquel Barreto

Nos 25 anos de morte da antropóloga, filósofa, escritora e feminista Lélia Gonzalez, impõe-se a necessidade de enegrecer as referências

A poesia não é um luxo, um inédito de Audre Lorde Audre Lorde

Texto integra a coletânea “Irmã outsider”, lançada neste mês pela editora Autêntica, o primeiro livro da poeta, escritora e ativista publicado no Brasil

Quem é mulher negra no Brasil? Colorismo e o mito da democracia racial Bianca Santana

Colorismo significa, de maneira simplificada, que as discriminações dependem também do tom da pele, da pigmentação de uma pessoa

Carta a homens brancos de esquerda Bianca Santana

Suas análises, formulações, propostas não me interessam. Preciso ouvir a mim mesma e a tantas outras mulheres negras cansadas de gritar

Maya Angelou tem primeira e última autobiografias publicadas no Brasil Helô D'Angelo

‘Eu sei por que o pássaro canta na gaiola’ e ‘Mamãe & Eu & Mamãe’ serão lançadas pela Astral Cultural e Record, respectivamente

Quanta justiça é necessária às mulheres negras, às mulheres pobres? Bianca Santana

O cortejo de carnaval do Bloco Afro Ilú Obá de Min e o alargamento do fluxo de um rio de resistência

Sobrevivente, testemunha e porta-voz Bianca Santana

Impossível falar de militância feminista e antirracista no Brasil sem fazer referência, e prestar reverência, a Sueli Carneiro

Online e gratuita, Bibliopreta reúne produção acadêmica de feministas negras Paulo Henrique Pompermaier

Em construção, plataforma online nasceu da falta de traduções de intelectuais negras no mercado editorial brasileiro; projeto é destinado a estudantes, cotistas, mães solteiras e mulheres negras

Angela Davis: Os EUA têm muito a aprender com o feminismo negro brasileiro Helô D'Angelo

Na UFBA, filósofa homenageou brasileiras como Carolina de Jesus e Lélia Gonzalez e citou o poder feminista preservado na tradição do candomblé

Novembro

TV Cult