A inveja em Melanie Klein Elisa Cintra

O alvo para o qual se dirige a inveja é o bom, o belo, o admirável dom de um artista. A inveja quer a posse da criatividade, da aptidão que a outra pessoa tem para gerar, daquilo que há de mais secreto e singular em cada um

A inveja no teatro e o teatro da inveja Welington Andrade

Girard perscruta as tramas shakespearianas em busca das práticas da mimese, da inveja, da amizade potencialmente rival e do desejo emulador e invejoso

O futuro que estava lá – imagens benjaminianas Manuela Sampaio de Mattos

O inconsciente, para Walter Benjamin, foi pensado a partir de uma imagerie complexa e multifacetada, capaz de expressar a alienação das sociedades quanto ao discurso racional do progresso, do imperialismo e do colonialismo

O elogio da rebeldia Abrão Slavutzky

Diante das desilusões da grande mudança social, cresce a poesia da utopia, antes desprezada diante do socialismo científico

A geometria da inveja segundo os cinco sentidos Gaudêncio Fidelis

A crença no poder transformacional de uma figura que representava o vício, como a Inveja, do pintor renascentista Giotto di Bondone, é testemunho da força das imagens

Amor e ódio: a inveja em perspectiva teológica Juvenal Savian Filho

Em termos teológicos, a inveja está ligada à potência de viver a abertura essencial à alteridade

O problema da humanidade não é o conceito de raça, mas o racismo, que é filhote da raça. A raça mãe morreu, mas o filho está solto e continua a fazer suas vítimas

Kabengele Munanga,

Cult 290 (fevereiro de 2023)

Lutar pela autonomia corporal de pessoas trans é garantir que seus corpos sejam considerados legítimos e livres.

Beatriz Bagagli e Thayz Athayde,

Cult 290 (fevereiro de 2023)

Ainda não perdemos o medo diante das desobediências infantis. É isso que queremos legar às crianças, que elas devem ser como nós, adultos incapazes de questionar o exercício da vida?

Sofia Favero,

Cult 290 (fevereiro de 2023)

Orides Fontela e a filosofia Marilena Chaui

A poesia nasce de uma profanação e por isso seu nascimento se dá no mundo do sagrado como violência que traz o ser onde só havia o nada

Ruth Guimarães: Centenário de uma pioneira Joaquim Maria Botelho

Nem sempre os escritores são, como pessoa, tão relevantes quanto os seus textos. De Ruth Guimarães pode-se dizer que era

Stella do Patrocínio: Vozes subterrâneas Paulo Henrique Pompermaier

“Nega, preta, crioula”, a poeta Stella do Patrocínio atravessou com sua fala a própria condição social, a vida no hospício e o precipício humano

Eliane Potiguara: Antes que tudo em mim se transforme em morte Alberto Pucheu

A poeta e pensadora indígena feminista é uma sobrevivente da luta política pela afirmação das mulheres indígenas e da vida dos povos originários

Newsletter

Fevereiro

TV Cult