Em ‘Me chame pelo seu nome’, autor quis fugir de personagens estereotipados Helô D'Angelo

O escritor André Aciman explica por que quis blindar a narrativa das “típicas situações que sempre aparecem em livros sobre gays”

Além do que se vê Helô D'Angelo

Para Nino Cais, artista participante da mostra Queermuseu, convidado para criar a capa desta edição da CULT, os recentes ataques a manifestações artísticas têm um significado mais profundo do que 
os olhos – e as redes sociais – deixam entrever

Bianca Dias e Francisco Bosco debatem o livro ‘A vítima tem sempre razão?’ Bianca Dias

A psicanalista Bianca Dias conversa com Francisco Bosco, autor do livro que tem gerado discussões sobre o papel e as contradições das militâncias

Transformar o mundo para mudar a vida das mulheres Amanda Massuela

Coordenadora da SOF, Nalu Faria diz que o feminismo só será capaz de cumprir seu papel quando buscar justiça social e econômica, em uma transformação global

Entrevista – Marjorie Perloff

A ensaísta norte-americana Marjorie Perloff critica a hegemonia dos estudos culturais e afirma que, nos EUA, o multiculturalismo reduziu o interesse do público pela poesia de outros países Marjorie Perloff, um dos nomes mais importantes da crítica norte-americana contemporânea, é uma voz discordante dentro da atual voga dos estudos culturais. Autora de O momento futurista … Continue lendo “Entrevista – Marjorie Perloff”

Adélia Prado garimpa poética do cotidiano

Heitor Ferraz   A obra poética de Adélia Prado é prova de que a poesia não precisa nascer somente do solo duro do eixo Rio-São Paulo. Como poucas, ela sabe resgatar para o seu leitor toda trama cultural e social do piccolo mondo das cidades do interior brasi­leiro. Pequenas histórias familiares, dra­mas do dia-a-dia, tudo … Continue lendo “Adélia Prado garimpa poética do cotidiano”

Carlos Heitor Cony, entre o espanto e a indignação Heitor Ferraz

A rebeldia de Carlos Heitor Cony chega diariamente ao leitor através de suas crônicas. O Brasil sempre es­teve na mira desse escritor

História como missão

Nicolau Sevcenko encontrou no estudo da história o caminho para defrontar-se com os enigmas de seu passado

David Byrne: ‘As pessoas estão ficando cheias de toda essa propaganda digital’ Amanda Massuela

Em entrevista à CULT, o músico diz que há ‘muito papo furado no mundo digital’, como a ideia de que toda ruptura é boa ou que a tecnologia pode resolver todos os problemas

Sobrevivente, testemunha e porta-voz Bianca Santana

Para a filósofa, educadora e militante feminista e antirracista, o Brasil vive um cenário político ‘assustador’, em que ideologias violentas prosperam impunemente

TV Cult