Política de drogas e reparação Bianca Santana

Um discurso em um salão de um restaurante onde ricos e poderosos comem um brunch

Desinformação: sintoma do populismo linguístico em nossa época Marcia Tiburi

Se a deturpação da informação não for freada, ela ameaça implodir toda a ordem da comunicação humana

Quando é a farsa que se repete em tragédia Além da lei

O que à primeira vista aparenta ser descabido e folclórico, vai se tornando real e ameaçador: uma nova ordem que orbita entre o tosco e o letal

Lélia Gonzalez, uma intelectual ameafricana Flavia Rios

Crítica da tradição das Ciências Sociais no Brasil, pensadora construiu rotas e redes alternativas para pensar a realidade nacional e da diáspora negra

“O que o tempo transmite e subverte”: heranças de Orides Fontela Patrícia Lavelle 

Se o tempo descura e transfixa, transmite e subverte, desmente e mitifica, como receber as heranças de Orides nos 80 anos de seu nascimento? 

Orides Fontela e a filosofia Marilena Chaui

A poesia nasce de uma profanação, e por isso seu nascimento se dá no mundo do sagrado como violência que traz o ser onde só havia o nada

Leiam Lélia Gonzalez Carla Rodrigues

Em sua passagem pelo Brasil, Angela Davis fez questão de nos lembrar da importância do pensamento e da atuação de sua colega brasileira

Orides Fontela, aristocrata selvagem Ivan Marques

Tal como Macabéa, que vivia “numa cidade toda feita contra ela”, Orides pode ser vista como uma flor agreste e improvável

Dois poemas inéditos de Orides Fontela Redação

Logo depois da morte da poeta, Ana Maria Salomão, prima e amiga de infância, recolheu os papéis e manuscritos que ficaram em seu último alojamento

O breviário do Ser Olgária Matos

Na poesia de Orides Fontela, a questão do Ser é filosoficamente primeira e mais importante que a do Outro

Dezembro

TV Cult