Lula lê?! Wilson Gomes

Lula teria lido, na prisão, 21 livros em 57 dias. Mas é claro que Lula não pode ter lido tanto. É claro que Lula não pode ter lido. É claro que Lula não lê.

Desprezo à democracia é cicatriz que não se esconde Além da lei

Desde o impeachment de Dilma Rousseff, abriu-se a temível porta da desinstitucionalização. E quem diz que é fácil fechá-la?

A Lógica do Assalto Marcia Tiburi

Negar-se a pensar e a descobrir a lógica dos fenômenos que nos assustam é caminhar de novo para a barbárie e o obscurantismo

A greve e o que significa ter direitos hoje Tarso de Melo

O tratamento jurídico dado às greves mais recentes mostra uma tentativa de domesticação da força política dos trabalhadores

Brasil despedaçado: uma análise do país pós-golpe Além da lei

Do corte de direitos à ainda nebulosa greve dos caminhoneiros, um breve panorama do Brasil que emerge após o golpe de 2016

‘Só vamos parar quando Temer cair’: uma tarde com os caminhoneiros Rosana Pinheiro-Machado

Num trecho da BR 290, no Rio Grande do Sul, o único consenso entre os caminhoneiros paralisados era a necessidade de uma intervenção militar

Intervenção militar, já Wilson Gomes

A ideia do pai autoritário que vem reordenar o caos é o novo fetichismo político brasileiro – e nada tem de democrático

O princípio Lula: democracia e eleições em 2018 Marcia Tiburi

Não basta afirmar a existência do golpe: é preciso perceber as consequências e formular estratégias compatíveis com este quadro

Reinaldo Azevedo e a direita Wilson Gomes

Antes usado como métrica para calibrar a extrema direita, Azevedo foi deixado para trás pelos próprios conservadores brasileiros

Por que estamos parados? Gabriel Zacarias

Em meio à atual situação de instabilidade, convém uma reflexão sobre o imobilismo da esquerda perante a ameaça crescente de uma intervenção militar

TV Cult