Ler ou não ler, eis a questão: uma crônica sobre livros e leitura Marcia Tiburi

Leitura e política exigem esforço e, se não definem um novo prazer, ao menos ajudam na expansão de nossas visões de mundo

Os ventríloquos e a “buceta rosa”: sobre as astúcias e as lacunas cognitivas do machismo Marcia Tiburi

A mulher que repete o discurso machista é como a russa levada a dizer “buceta rosa”: vítima e algoz de si mesma ao ter caído na armadilha machista

Segurança para quem? Reflexões sobre o Estado de extermínio Marcia Tiburi

A morte de Marcos Vinicius, executado a caminho da escola, é uma metonímia da sociedade atual: quando o Estado deveria proteger, ele dá a morte

Demonização da política Marcia Tiburi

Quando não conseguimos entender o que são a política e o poder, e como eles funcionam, parece mais fácil viver longe deles

Antropologia digital Marcia Tiburi

Com o fenômeno da interação com máquinas e aparelhos, computadores e celulares, hoje não temos apenas relações sociais, mas tecnossociais

A Lógica do Assalto Marcia Tiburi

Negar-se a pensar e a descobrir a lógica dos fenômenos que nos assustam é caminhar de novo para a barbárie e o obscurantismo

O princípio Lula: democracia e eleições em 2018 Marcia Tiburi

Não basta afirmar a existência do golpe: é preciso perceber as consequências e formular estratégias compatíveis com este quadro

Teoria geral do xingamento Marcia Tiburi

O xingamento generalizado merecia uma historiografia e uma semiologia, uma teoria estética e, também, uma teoria política

Meritocracia: uma meditação sobre o novo rico e a vergonha de ser pobre Marcia Tiburi

Foi a ascensão do “novo rico” que trouxe à moda a ideia de mérito. Sorte de quem for vencedor, azar de quem for vencido

Ódio como estratégia na era do terrorismo imbecilizatório Marcia Tiburi

O ódio só tem força quando é politizado, usado como combustível de conspurcação geral ao qual estamos submetidos na era do capitalismo de desastre

TV Cult