Quando tudo parece já ter sido perdido Vinícius Santiago

A primeira vez em Beagá, um homem em cima da ponte e a responsabilidade do Estado

Ecos de 22

Leia, a seguir, um texto sobre a atividade do grupo modernista em São Paulo escrito pelo contista, teatrólogo e ensaísta Luiz Annibal Falcão em 1935 Cláudio Giordano Ao cabo de 2001, encontrei de Luiz Annibal Facão a brochura Do meu alforje, com dedicatória manuscrita principesca: “Au Prince et à la Princesse Sanguzsko, hommage de sincère … Continue lendo “Ecos de 22”

O cativeiro libertador

Santo Tomás de Aquino é o um dos grandes responsáveis pela introdução de Aristóteles no Ocidente e por uma teologia que se tornou indissociável da filosofia ao analisar a estrutura racional do ato de fé Domingos Zamagna O que pode induzir alguém a estudar a filosofia de Santo Tomás de Aquino (1224-1274) nos dias de … Continue lendo “O cativeiro libertador”

Afeto, Butler e os neoTFPistas Berenice Bento

Dizem que não vão deixar Judith Butler falar. O que faremos? Vamos, mais uma vez, potencializar este momento. Os que atacam não têm como foco ela, mas nós

Limbo: uma viagem entre o real e a realidade

Uma viagem entre o real e a realidade Francisco Bosco O homem navegava na valeta. Seu sorriso beatífico assegurava que nada mais era necessário, mas seu amigo, de pé diante dele, instava: “Vem, vem, a felicidade está além, a dois passos, vem até a esquina da rua. Coragem, amigo, diz às tuas pernas que satisfaçam … Continue lendo “Limbo: uma viagem entre o real e a realidade”

De que maneira você resolveria um problema como o Führer?

A Linz09, que começará neste mês, precisará lidar com um problema histórico bastante espinhoso  Em fevereiro de 1945, enquanto os russos se aproximavam de Berlim, Adolf Hitler ordenou que seu segundo arquiteto favorito, Hermann Giesler, reproduzisse em pequena escala, a cidade onde nasceu, Linz, e a colocasse em seu bunker. Uma das últimas fotografias tiradas … Continue lendo “De que maneira você resolveria um problema como o Führer?”

Da representação para a apresentação

Como pensar as “ciências humanas” na era da biopolítica e da virada imagética? Márcio Seligmann-Silva De certo modo vivemos hoje uma espécie de segunda grande onda romântica, que vem talvez na era da morte do romantismo e do nascimento de algo que ainda não sabemos bem o que é. Daí a fervorosa recepção das ideias … Continue lendo “Da representação para a apresentação”

O cavalheiro do escândalo

“Quer saber o drama da minha vida?”, perguntou Oscar Wilde a André Gide. “O que coloquei na minha vida, foi o gênio; tudo que pus na minha obra foi o talento.” Hoje, embora Wilde seja lembrado como o homem que escandalizou a Inglaterra e meio mundo civilizado pela sua escancarada homossexualidade, sua reputação como escritor … Continue lendo “O cavalheiro do escândalo”

Hobsbawm relembra Tony Judt

Historiador marxista vê uma relação “curiosamente contraditória” com seu colega, morto em 2010

Ocupe – Desocupe

Livro vendido a preço de custo reúne artigos de pensadores como David Harvey, Mike Davis e Slavoj Zizek sobre o movimento Occupy

Fevereiro

TV Cult