Dostoiévski é tema de palestra na Unicamp

Dostoiévski é tema de palestra na Unicamp

A Sala de Colegiados do Instituto de Estudos da Linguagem da Unicamp receberá no dia 6 de agosto a palestra “O grande inquisidor: figura essencial a visão distópica”, proferida pela professora Daphne Patai, da Universidade de Massachusetts em Amherst, Estados Unidos.

De acordo com os organizadores, o discurso do Inquisidor, que utiliza como base o romance do escritor russo Fiódor Dostoiévski (1821-81) “Os Irmãos Karamazov” (1880), é uma reflexão sobre a relação entre o poder da fé e os seus usos pelo Estado. Baseadas sempre numa visão das limitações do ser humano, as reflexões também levantam questões como as relações entre indivíduo e coletividade e entre liberdade e felicidade.

Patai abordará o texto do autor russo e a razão de sua incorporação persistente à literatura utópica.

Professora no Departamento de Línguas, Literaturas e Culturas, Patai pesquisa cultura brasileira, tradução, ficção utópica, teoria literária, história oral, feminismo e problemas relacionados ao ensino superior.

Para mais informações, acesse: www.iel.unicamp.br

(1) Comentário

  1. O Grande Inquisitor é realmente uma viagem. Nunca foi escrito um livro ou ensaio filosófico crítico sobre a religião mais profundo e preciso do que O Grande Inquisitor. Até hoje eu me lembro das palavras de Ivan Karamazov sobre a Igreja Católica carregando “a espada de César”.

Deixe o seu comentário

Setembro

TV Cult