Frantz Fanon: para entender a luta antirracista na era da informação Dennis de Oliveira

A superação do racismo, para Fanon, viria da conscientização da população negra sobre o combate permanente à opressão

Frantz Fanon, racismo e pensamento descolonial Dennis de Oliveira

Para o psiquiatra Frantz Fanon (1925 – 1961), o racismo só pode ser superado de forma articulada à descolonização das mentes

Como a mídia mascara a compreensão dos fenômenos da economia Dennis de Oliveira

Comentaristas e analistas fazem verdadeiros malabarismos retóricos e argumentativos para dizer que a economia vai bem e está se recuperando

Sobre Joaquim Barbosa, Marina Silva, candidaturas negras… e antirracistas? Dennis de Oliveira

Na era da inflação de informações, seria a representatividade mais importante do que o projeto político dos candidatos negros?

O Brasil não é dirigido por uma elite Dennis de Oliveira

O que se tem no comando da sociedade brasileira não é uma elite se levarmos em conta a origem da palavra: o que há de melhor em um grupo social

‘Pantera Negra’ e ‘Mulher Maravilha’: abordar direitos na era da informação Dennis de Oliveira

A visibilidade tende a ser sedutora para segmentos oprimidos – não uma visibilidade vazia, mas uma que incorpore seus conteúdos reivindicatórios

A tragédia, as narrativas e a exclusão discursiva no assassinato de Marielle Franco Dennis de Oliveira

Narrativas sobre o assassinato de Marielle tentam deslocá-la do lugar de representante da periferia e das mulheres negras

De quem é a responsabilidade pela disseminação das fake news? Dennis de Oliveira

O debate sobre fake news revela muito mais incômodos de um determinado segmento da sociedade que uma preocupação real com os rumos da democracia

Olhar higienista e classista da mídia turva discussão séria sobre drogas Dennis de Oliveira

Tratar de forma seletiva e elitista o problema das drogas unifica discursos de segmentos conservadores e da mídia hegemônica

Entre tropas militares nas favelas, a volta do Jornal do Brasil às bancas do Rio Dennis de Oliveira

Como, em clima de violência e incerteza, o Jornal do Brasil, um dos mais populares do Rio de Janeiro, voltou a ser distribuído – e por quê

TV Cult