Marielle: operacões de mídia, anunciação e necropolítica Ivana Bentes

O necropoder se apropria da potência, e por isso os mesmo heróis celebrados pela mídia são os elementos matáveis para o Estado

Marielle Franco e o mal radical Marcia Tiburi

O assassinato de Marielle Franco é um divisor de águas na história da política nacional, mas seu destaque tem fins específicos nesse momento

A tragédia, as narrativas e a exclusão discursiva no assassinato de Marielle Franco Dennis de Oliveira

Narrativas sobre o assassinato de Marielle tentam deslocá-la do lugar de representante da periferia e das mulheres negras

Marielle e Anderson: as várias faces políticas de um assassinato Wilson Gomes

A forma como a sociedade, de maneira geral, está lidando com o assassinato de Marielle e Anderson perturba, e muito, a direita conservadora

‘Tenho uma responsabilidade coletiva e já não vivo mais só a minha vida’ Amanda Massuela

Em entrevista à CULT em 2016, Marielle Franco afirmou que queria fazer da vereança um lugar de ‘fiscalização do executivo para garantir direitos das mulheres’

Em novo single, Leo Cavalcanti aborda sofrimento pessoal em meio a turbilhão político Amanda Massuela

Escrita no calor do golpe de 2016, ‘Ainda aqui sonhando’ é ‘desabafo emocionado’ diante de sofrimentos individuais e coletivos

A dança dos vampiros na política brasileira Marcia Tiburi

Drácula se tornou sinônimo do que há de pior em termos de política. Como signo, recai sobre governantes pérfidos e cruéis

‘Intervenção traz risco altíssimo à democracia’, diz historiadora Dulce Pandolfi Luís Costa

À CULT, Pandolfi afirma que a fragilidade da memória da ditadura e a falta de justiça na redemocratização criaram um desprezo pelos direitos humanos no país

A esquerda não tem nada de novo a dizer sobre a violência urbana? Wilson Gomes

A direita, ao contrário da esquerda brasileira, atrai porque propõe respostas simples, intuitivas e coerentes com o medo e a moralização da sociedade

Olhar higienista e classista da mídia turva discussão séria sobre drogas Dennis de Oliveira

Tratar de forma seletiva e elitista o problema das drogas unifica discursos de segmentos conservadores e da mídia hegemônica

TV Cult