Sobre Paulo Francis

Com o Francis sempre havia ansiedade. O jeitão dele era genuíno. Nós nunca sabíamos como iria se comportar no programa (o Manhattan Connection). Estaria de bom humor? Rabugento? Respeitaria a pauta? Falaria sobre o que bem entendesse? Com humildade, os demais participantes (eu, o Nelsinho Motta e mesmo o âncora Lucas Mendes) sabiam que precisavam … Continue lendo “Sobre Paulo Francis”

O indomável gênio barroco Wilker Sousa

Iconoclasta e ferrenho defensor da cultura brasileira, Glauber Rocha renovou o cinema e combateu a tacanhez na arte e na vida

Valter Hugo Mãe tem novo romance

Leia entrevista com o autor angolano publicada na CULT 164

Paulo Francis por ele mesmo

Uma entrevista até hoje inédita com o maior colunista da imprensa brasileira sobre suas idéias, seu método de trabalho e sua biografia Thales Guaracy Há dez anos e meio, desembarquei em Nova York para uma reportagem sobre os jornalistas que integravam o programa Manhattan Connection, do GNT, então conhecido como o primeiro canal a cabo … Continue lendo “Paulo Francis por ele mesmo”

O paradigma oculto da filosofia moderna

Desempenhando um papel decisivo, mas ainda pouco examinado, o ceticismo orientou boa parte da revisão metodológica que inaugura a modernidade Luiz Antonio Alves Eva  O ceticismo é um tema discutido por quase todos os principais filósofos modernos — seja como um pesadelo epistemológico que, ameaçando nossa capacidade de conhecer a verdade e alcançar a felicidade, … Continue lendo “O paradigma oculto da filosofia moderna”

China censura cenas de “Titanic”

Cortes no filme de James Cameron causam protesto

Para cima e para baixo com Paulo Francis

Botecos, jornais desaparecidos, Rio e Nova York são os cenários desse relato de alguns momentos de uma amizade de 30 anos Ruy Castro O velho recorte do Correio da Manhã caiu-me por acaso aos olhos e espiei a data: 21 de setembro de 1967. Era a primeira página do Segundo Caderno, trazendo um artigo meu … Continue lendo “Para cima e para baixo com Paulo Francis”

"Uivo", de Ginsberg, em HQ

Edição traz imagens do artista plástico Eric Drooker

O texto que fica

Francis era único. Seus escritos, fortes e urgentes, em 40 anos de carreira, sejam frases curtas sejam ensaios densos, são a melhor forma de lembrá-lo Daniel Piza Dez anos depois de sua morte, Paulo Francis tem sobrevivido tanto a seus detratores quanto a seus imitadores. Os detratores, que em geral são os que discordaram de … Continue lendo “O texto que fica”

A supremacia da dúvida sistemática

Eduardo Socha A acepção mais corriqueira do termo “cético” não esconde um certo preconceito: “cético” seria aquele incrédulo radical, privado de opinião sobre qualquer assunto, o descrente inflexível que, não raro, se converte na imagem burlesca do ranzinza duvidando de tudo e de todos. Tal acepção, além de manifestar uma caricatura injusta do cético, tende … Continue lendo “A supremacia da dúvida sistemática”

TV Cult